1º ano de casado: Bodas de Papel

Ontem, 19/06, completamos nosso primeiro ano de casado, ou seja, a tal bodas de papel. Será porque tem este nome? Será porque papel serve para escrever, embrulhar, amassar e sei lá qual mais utilidade? Fiquei pensando nisso por um tempo para tentar entender o nome e sinceramente não consegui chegar a nenhum conclusão.

O importante é que neste primeiro ano de casamento já conseguimos construir várias coisas juntos, brigamos, nos amamos, divertimos, choramos e chegamos a uma conclusão bem bacana. Vamos batalhar para termos uma bela família e buscar forças um no outro para superarmos os desafios e dificuldades. Esse era o propósito quando nos casamos e diariamente reforçamos.

No ano que se passou, não vou mentir para vocês, não vivemos apenas mar de rosas. A vida não é florzinha, já diria um amigo. Em alguns momentos foi pesado, desanimador e desafiador, no entanto, fortalecemos nestes momentos o nosso laço de companheirismo, solidariedade, paciência, amizade e amor. Encontramos o nosso equilíbrio individual e em casal, e isso faz muita diferença.

Nas dificuldades, podemos magoar sem querer, ofender e até mesmo perder o respeito e como já diria os sábios, a palavra tem poder. Pois bem, tiramos a força dela buscando um convívio mais amável, pensando antes de falar e agir, tentando mudar ou melhoras nossos defeitos e manias para termos uma rotina harmonioso, tranqüila e serena em casa e no convívio com familiares e amigos. Estamos melhorando e vamos melhorar ainda mais…

Nas alegrias, comemoramos sozinhos, com a familia e os amigos. Reforçamos nossos pensamentos, ideais, desejos e o carinho um com o outro. Planejamos o futuro, os desejos do que queremos construir, conversamos, ouvimos e falamos de tudo, para juntos e em sintonia transformar os sonhos em realidade. Estamos realizando, devagar e com as bençãos de Deus…

É…faz sentido as bodas de papel…pois neste ano que se passou, muitas coisas foram escritas…algumas a caneta para não serem esquecidas e nem apagadas, algumas vezes usamos o lápis, em escrita fina e quase transparente para podermos corrigir durante o ano, em escrita grossa e mais forte para termos atenção e lembrarmos sempre, alguns rascunhos amassamos e jogamos fora, para poder escrever novamente de outra forma e algumas coisas embrulhamos e guardamos com carinho em nossos corações, para sempre que desejarmos desembrularmos e reviver as mesmas emoções novamente.

Uma coisa é certa, começamos a escrever a história da nossa familia, acertando e errando, mas tendo a convicção de que fizemos boas escolhas, que somos felizes juntos e que podemos com a graça de Deus viver momentos incríveis juntos.

Parabéns meu amor, mais uma vez, estou feliz, tenho aprendido muito com você e só tenha a lhe agradecer. Beijos, Te Amo!

Similar Posts:

COMMENTS

  • Vida, sabe que não gosto de escrever… gosto de fotografar…

    Mas vc é o presente que pedi a Deus e nem imaginava que ele pudesse me atender de forma tão especial…

    Que ele possa nos abençoar a cada dia…

    Te amo!

  • valeu Thiago…vc tb sabe que não é fácil, mas quem disse que seria? A verdade é que a conta dos pros sempre tem que ser maior que do contra, e isso, com carinho, amor, dedicação e respeito a gente tira de letra.

  • thiago maia

    Fala JJ, parabéns pelo 1º ano de casamento, que vocês sejam feliz durante muito tempo… pra sempre…
    E como você disse a vida não é um mar de rosas, mas enfrentar as dificuldades junto com a pessoa que a gente ama faz as coisas serem menos trabalhosas.
    Grande abraço para você e Ellen.

Leave a Comment

Timpo limite excedido. Por favor, refresque o valor do CAPTCHA.