1º dia de aula da minha irmã

Ontem minha irmãzinha caçula (que já é uma mulher feita…risos) começou o curso de radiologia na faculdade Novo Rumo, o que me deixou muito orgulhoso. Sabemos que não vai ser fácil e que ela precisará se adaptar a nova rotina e de certa forma nós também.

A primeira dificuldade identificada foi a questão do transporte. Ela mora com minha mãe em Ibirite/MG, que faz parte da grande BH, mas não possui transporte publico a partir de um determinado horário, o que invializava ela iniciar os estudos. Eu e Ellen (agradeço demais o apoio, carinho e compreensão da minha esposa), concordamos em acolher durante a semana minha irmã em nossa casa, desta forma ela poderia estudar e ir conosco para o trabalho no outro dia pela manhã. Resolvemos de imediato o problema, mas com isso minha mãe passa a ficar sozinha em casa durante a semana, o que nos preocupa um pouco também. Apesar disso todos na familia estão satisfeitos e orgulhosos pela Quel estar se dedicando e se pré-dispondo a vencer mais esta batalha na vida dela, que com certeza trata bons frutos.

Ontem, para recepcioná-la em casa pensei em preparar um lanche simples, na verdade já estava até pronto. Ellen tinha feito um molho de carne moída e quando cheguei do trabalho comprei alguns pães para os meus amores (Quel e Ellen – a ordem dos fatores não altera o produto viu…o nome da irmã véio primeiro porque a conheço a mais tempo…risos), assim poderiam lanchar antes de dormir. Próximo do horário delas chegarem eu liguei o fogão, coloquei o molho para esquentar, ajustei o tempero e fui assistir TV, não é que esqueci a paradinha no fogo e queimei o molho todo…muito oréia seca…e olhem que eu sempre falo com Ellen que ela deixa o fogão ligado e queima as coisas por estar prestando atenção na TV e esquecer da cozinha. (desculpe denguinho, fiquei com inveja e fiz igual você).

Apertado a partir desse momento, acabei fazendo um cachorro quente que ficou pronto logo que acionaram o portão da garagem. O mais doido é que ambas não quiseram lanchar, dizendo que era pesado e que estavam de dieta, veja se pode uma coisas dessas depois de um esforço desses para agradar? Entendi a situação e hoje vopu ver se preparo uma saladinha com uma carne grelhada, assim, não dormimos de barriga roncando e comemos algo leve e saudavel.

Quel, desejamos a você sucesso nessa nova etapa viu.
Ellen, meu dengo, amor, companheira e amiga, obrigado por neste momento ceder um cantinho para minha irmã, mesmo que com isso percamos um pouco da nossa liberdade em casa, saiba que essa atitude me encantou muito e me fez agradecer ainda mais a Deus por ter você a meu lado.

COMMENTS

Leave a Comment

Timpo limite excedido. Por favor, refresque o valor do CAPTCHA.