14ª semana de gestação: Doce ou Salgado?

Doce ou salgado? Incrível, mas seu futuro bebê já tem paladar e consegue perceber a diferença entre os sabores do açúcar e do sal. É que, nesta semana, suas papilas gustativas começaram a funcionar. Aliás, todos os órgãos internos dele estão com as estruturas principais formadas. O cérebro continua se aperfeiçoando e envia comandos para os músculos se movimentarem, inclusive os da face.

O corpo agora cresce mais rápido que a cabeça. Esta semana, a pele, fina como um papel de seda, cobre-se de lanugo (um pêlo finíssimo e macio que costuma desaparecer antes do nascimento). As sobrancelhas e o cabelo começam a surgir, mas o cabelo pode mudar de cor e de textura depois que o bebê nascer.

Nesta fase, o feto consegue fazer os movimentos de agarrar, franzir as sobrancelhas, fazer caretas e ficar vesgo. Talvez saiba até chupar o dedo. Os pesquisadores acreditam que esses e outros movimentos correspondam ao desenvolvimento de impulsos no cérebro. Da cabeça até o bumbum, seu bebê mede cerca de 9 centímetros de comprimento e pesa em torno de 45 gramas.

Sua gestação

É bem provável que, nesta semana, aquela roupa de que você tanto gosta não sirva mais. Afinal, sua barriga e os seios não param de crescer. Que tal incrementar o guarda-roupa e adotar o visual de gestante? Já que a sua gravidez é fato consumado, aqui vai um conselho: nada de exagerar nas garfadas e comer em excesso. Engordar além do limite não é uma boa nem mesmo fora da gestação.

Sua pele continua a sofrer alterações e a mais característica desse período é a chamada linha nigra – aquela faixa escura que vai do estômago à região pubiana. Após o nascimento do bebê, ela some, mas, enquanto isso, sempre que tomar sol, passe protetor solar de fator acima de 30.

Se você ainda não fez a medição da translucência nucal, o período ideal para realizar o exame termina esta semana.

Em relação ao pré-natal, seu obstetra deve ter solicitado novos exames, como o ultrassom morfológico, que avalia a formação e as funções dos órgãos fetais. Se você tem mais de 35 anos, seu médico também poderá realizar exames complementares para checar como o pequeno está se desenvolvendo.

Similar Posts:

Leave a Comment

Timpo limite excedido. Por favor, refresque o valor do CAPTCHA.