17ª semana de gestação: Talvez consiga sentir o bebê se mexer

Ele cresce rápido e se movimenta mais. Tem apenas 12 cm e pesa por volta de 140 gramas. Seus bracinhos e suas pernas já estão suficientemente longos para se mexer com agilidade. Isso não é motivo para preocupação. O cinto de segurança do bebê está firme. O cordão umbilical, que o mantém ligado à placenta, ficou mais resistente e fino.

O corpo do seu pequeno ganha, agora, mais tecido adiposo, células gordurosas que vão ajudar a manter a temperatura dele equilibrada. A pele parece menos transparente. No entanto, os vasos sanguíneos ainda são visíveis.

Nessa semana, os olhos do bebê passam a olhar para a frente, em vez de para os lados, as orelhas estão praticamente na posição certa e a cartilagem que vai se tornar o esqueleto está prestes a endurecer. O esqueleto é formado por uma cartilagem ainda flexível, que vai ficar mais rígida com o tempo. Uma substância protetora chamada mielina começa a envolver aos poucos a medula espinhal.

Sua gravidez

Com a ajuda de um estetoscópio especial, já dá para escutar os batimentos cardíacos do bebê. Poucas coisas são mais reconfortantes e emocionantes que ouvir o ritmo acelerado do coraçãozinho do bebê. Você terá chance de ouvi-lo em todas as consultas do pré-natal.

Uma semana emocionante! Muitas mães relatam que começaram a sentir o bebê a se mexer justamente na 17ª semana. A sensação é como se “bolhas de gás” delicadamente estourassem dentro da barriga.

“As mamães de segunda viagem costumam sentir os movimentos do bebê agora. As estreantes talvez demorem mais algumas semanas. Muitas mulheres descrevem a sensação como se tivesse uma borboletinha batendo asas dentro da barriga.”

Os toques e os movimentos da criança são bem delicados, mas estimulantes o suficiente para que você coloque as mãos na barriga, mesmo inconscientemente. Logo os chutes se tornarão inconfundíveis. Para que ele continue com essa energia toda, não deixe de manter hábitos saudáveis: tente dormir bem e continue a incluir vários nutrientes em seu cardápio diário. Evite cigarro e álcool e controle o consumo de café.

O segundo trimestre também é ideal para cuidar dos dentes e ir ao dentista para saber como se prevenir de qualquer problema dentário. Então, arranje um tempinho na sua agenda. E a ginástica? Em que pé está? Nenhum? A gravidez pode servir como um bom incentivo para cuidar mais do corpo e fazer atividades físicas. Se isso aconteceu com você, invista nelas, mas não sem antes se informar sobre as modalidades mais recomendadas para as gestantes. Hidroginástica, Ioga e Pilates estão na lista.

Se você pensa em fazer uma amniocentese, esta semana é uma fase aconselhável. Apesar da apreensão com o exame, há uma vantagem: você vai poder ficar olhando para o bebê no ultra-somusado para realizar o procedimento. Só desvie o olhar na hora da agulha, pois a imagem pode dar certa aflição.

Como fica sua vida

Por enquanto, os papais ainda não conseguem compartilhar tanto da emoção, já que os chutes de verdade só devem acontecer daqui a um mês. Se você ainda não os sentiu, experimente deitar de barriga para cima depois de comer, e prestar atenção nas sensações.

É possível que você note que a aréola, a parte mais escura em volta dos mamilos, está mudando de tamanho à medida que seus seios crescem. Esse é um “efeito colateral” da gravidez que pode persistir por até um ano depois do nascimento do bebê.

Outras mudanças de pele que acompanham a gestação, como a linha vertical mais escura que pode aparecer na barriga e as marcas no rosto, também tendem a sumir uma vez que o bebê tenha nascido.

Por causa do crescimento do útero, seu centro de gravidade foi modificado, e, portanto, é bem provável que você esteja se sentindo meio desequilibrada.

Tome cuidado e prefira sapatos de salto baixo. Está difícil arranjar posição para dormir? Confira nossas dicas para um bom sono no segundo trimestre da gravidez.

Similar Posts:

Leave a Comment

Timpo limite excedido. Por favor, refresque o valor do CAPTCHA.