Spinning Aquático: Aula Experimental

Nossa dinda Andreza comentou com Ellen na semana passada que estava fazendo aula de spinning aquático em uma acadêmia no bairro Água Branca em Contagem, caminho de casa inclusive. Ellen chegou em casa animada para me contar a novidade e como são 3 aulas por semana (2º, 4º e 6º), marcamos a aula experimental para está 4º às 19:30 hs, com duração de 0:50 minutos.

Pedalando e alongando...

Chegamos na acadêmia e descobrimos que deveriamos ter levado um cadeado para utilizar o armario, então, ligamos para dinda a fim de saber se ela estava chegando para deixar os bagulhos no carro dela…risos. Neste meio tempo Ellen deu um pulo no vestiário e voltou desanimada, havia achado o vestiário pequeno, é realmente é. Ela acabou desanimando de fazer a aula experimental em função disso, achou melhor vir com a roupa da aula já por baixo de uma roupa mais leve, caso contrário a roupa que teria que voltar para casa ficaria toda molhada. (Na verdade ela amarelou…risos – dinda é testemunha – ficou lá sentadinha vendo a gente fazer aula e tirando algumas fotinhas).

Pedalando em ritmo acelerado...

O vestiário masculino ão é diferente, é pequeno mesmo mas ão quis nem saber, coloquei a sunga e cai na água. O doido é que a piscina é coberta e a água é aquecida, ou seja, a temperatura da piscina estava excelente. O instrutor me explicou as posições básicas de pegada no guidon da bicicleta (4 posições) e desparoua música parainiciarmos a aula. Fizemos um alongamento, dentro da piscina e pedalando a bicicleta e logo depois o bicho pegou.

Os exercicios são bem variados sendo que a posição 1 e 2 você fica sentado e na 3 e 4 pedalando em pé (lembrei da aula de spinning que fiz com Tonnel uma vez – quase morremos, na água é mais leve). Depois de um tempo pedalando, começa s exercícios para o braço, torax e por aí vai, usando uma especie de peso de espuma, que dentro d´água força bem a musculatura.

Né moleza não rapá...o bicho pega.

Estava me sentindo ótimo durante a aula, principalmente por ser um sedentário de dar orgulho, pois conseguia fazer os exercícios e mesmo sentindo um pouco de dor nas pernas e depois no braço eu estava me sentindo bem. Foi aí, que nos exercícios finais de alongamento o bicho pegou…senti uma caimbrã muito forte na panturrilha esquerda e por mais que eu alongasse a bendita não passava nem a porrete…estava vendo minha vô pela greta e me perguntando o que eu estava fazendo ali, devia estar bebendo com os amigos…o máximo que sentiria era uma dormência e tontura no final dos exercícios…risos.

A aula terminou e os últimos 15 minutos eu fiquei tentando me recuperar da caimbrã.

Caimbrã ordinária!!!

Melhor um pouco, eu e dinda resolvemos apostar quem conseguia ir mais longe na piscina mergulhando. Ela pensou que seria moleza e toda confiante aceitou a brincadeira e se surpreendeu quando fiquei a 2 metros de atravessar a piscina mergulhando. Fizemos a mesma coisa na volta e não atravessei porque um aluno passou na minha frente nadando a 1 metro de chegar na beirada. Ela ficou rindo e dizendo estar impressionada, afinal, o cigarrinho dveria atrapalhar meu folego.

Para aula experimental tudo foi perfeito, gostei bastante, vi que é possivel perder peso (inclusive um camarada que faz aula disse ter perdido 5 kg em 30 dias – claro que também mudou a alimentação) e o fato da dinda e Ellen também irem fazer aula é mais um fator motivador.

Sexta-feira tem mais uma aula…o objetivo agora e entrar no ritmo é daqui a 30 ou 60 dias estar jogando bola com o Marelo e a turma da Stola (Marelo, vamos ter que descolar uma peladinha na terça-feira…risos).

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


+ 8 = twelve

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>