Como pedir uma pizza em 2015

A tecnologia esta permitindo integrações que antes não eram nem imaginadas por nós. Luiz Fernando Veríssimo, imaginando como seria daqui a alguns anos escreveu uma crônica muito bacana onde o cliente conversa com o telefonista para fazer o pedido de uma simples pizza.

– Telefonista: Pizza Hut, boa noite!

– Cliente: Boa noite! Quero encomendar pizzas…

– Telefonista: Pode me dar o seu NIDN?

– Cliente: Sim, o meu número de identificação nacional é 6102-1993-8456-54632107.

– Telefonista: Obrigada, Sr. Lacerda. Seu endereço é Avenida Paes de Barros, 1988 aptº. 5 B, e o número de seu telefone é 5494-2366, certo? O telefone do seu escritório da Lincoln Seguros é o 5745-2302 e o seu celular é 9266-2566.

– Cliente: Como você conseguiu essas informações todas?

– Telefonista: Nós estamos ligados em rede ao Sistema Central.

– Cliente: Ah, sim, é verdade! Eu queria encomendar duas pizzas, uma de quatro queijos e outra de calabresa…

– Telefonista: Talvez não seja uma boa idéia…

– Cliente: O quê?

– Telefonista: Consta na sua ficha médica que o Senhor sofre de hipertensão e tem a taxa de colesterol muito alta. Além disso, o seu seguro de vida proíbe categoricamente escolhas perigosas para a sua saúde.

– Cliente: É você tem razão! O que você sugere?

– Telefonista: Por que o Senhor não experimenta a nossa pizza Superlight, com tofu e rabanetes? O Senhor vai adorar!

– Cliente: Como é que você sabe que vou adorar?

– Telefonista: O Senhor consultou o site ‘Recettes Gourmandes au Soja’ da Biblioteca Municipal, dia 15 de janeiro, às 4h27min, onde permaneceu conectado à rede durante 39 minutos. Daí a minha sugestão…

– Cliente: OK está bem! Mande-me duas pizzas tamanho família!

– Telefonista: É a escolha certa para o Senhor, sua esposa e seus 4 filhos, pode ter certeza.

– Cliente: Quanto é?

– Telefonista: São R$ 79,99.

– Cliente: Você quer o número do meu cartão de crédito?

– Telefonista: Lamento, mas o Senhor vai ter que pagar em dinheiro. O limite do seu cartão de crédito já foi ultrapassado.

– Cliente: Tudo bem, eu posso ir ao Multibanco sacar dinheiro antes que chegue a pizza.

– Telefonista: Duvido que consiga! O Senhor está com o saldo negativo no banco.

– Cliente: Mas o que é isso?!!! Mande-me as pizzas que eu arranjo o dinheiro. Quando é que entregam?

– Telefonista: Estamos um pouco atrasados, serão entregues em 45 minutos. Se o Senhor estiver com muita pressa pode vir buscá-las, se bem que transportar duas pizzas na moto não é aconselhável, além de ser perigoso…

– Cliente: Mas que história é essa, quem foi que disse que eu vou de moto?

– Telefonista: Peço desculpas, mas reparei aqui que o Sr. não pagou as últimas prestações do carro e ele foi penhorado. Mas a sua moto está paga, e então pensei que fosse utilizá-la…

– Cliente: @#%/§@&?#>§/%#!!!!!!!!!!!!!

– Telefonista: Gostaria de pedir ao Senhor para não me insultar… Não se esqueça de que o Senhor já foi condenado em julho de 2006 por desacato em público a um Agente Regional. O senhor não é mais réu primário…

– Cliente: (Silêncio)

– Telefonista: Mais alguma coisa?

– Cliente: Não, é só isso… Não, espere… Não se esqueça dos 2 litros de Coca-Cola que constam na promoção.

– Telefonista: Senhor, o regulamento da nossa promoção, conforme citado no artigo 3095423/12, nos proíbe de vender bebidas com açúcar a pessoas diabéticas…

– Cliente: Aaaaaaaahhhhhhhh!!!!!!!!!! Vou me atirar pela janela!!!!!

– Telefonista: Grande coisa! Aqui diz que o senhor mora num apartamento térreo!

 

(Autor: Luiz Fernando Veríssimo)

 

Similar Posts:

COMMENTS

Leave a Comment

Timpo limite excedido. Por favor, refresque o valor do CAPTCHA.