Jantar plus na casa dos dindos

Na semana passada os dindos Michelle e Flávio haviam nos convidado para um jantar na casa deles, para matarmos a saudade, no entanto, tínhamos compromissos com os Monges, e não foi possível encontrarmos com eles, ficando o encontro para esta semana.

Apenas para confirmar, liguei na parte da tarde e Michelle confirmou a reunião na casa dela. Chegamos por volta das 21:00 hs e praticamente junto conosco mais dois casais amigos dos dindos, Beto e Lilian e Dartanham e Debora, sendo estes ultimos os pais do pequeno e tranquilo Augusto, de 10 meses.

A mudança deles havia chegado, ou seja, a casa estava diferente é linda. Nada melhor do que vivermos em um ambiente que tem a ver com a gente, a sensação de conforto e de se sentir no seu cantinho e muito maior. Parabéns aos dois, o cantinho de vocês é muito aconchegante, e o carisma de vocês dão o toque final de requinte.

Os dois casais haviam viajado no final de ano para Gramado e levaram as fotos para mostrar aos dindos. Ellen pirou né, é doida para conhecer o Sul do país e na lista com certeza esta a cidade de Gramado. Eles foram no verão, o que ajuda muito, visto que o clima quente deixou a cidade mais florida, por consequência, as fotos ganharam um colorido especial. A vontade era sair dali e pegar o primeiro voo.

Ficamos na área externa do apartamento, saboreando um vinho, cervejinha, sucos, refrigerantes e alguns belisquetes. O clima fresco ajudou para que ficássemos bem confortáveis e tranquilos. Michelle mostrou que é prendada e preparou para gente um saboroso estrogonofe, e para quem gosta, ainda tinha variação de sobremesa. Muito bom dinda.

Posso falar apenas por mim, mas adoramos conhecer os dois casais amigos dos dindos. São muito engraçados, com um papo agradável e bem descontraído. Impossível não ser uma noite agradável.

O mais engraçado e ver como as coisas acontecem na vida das pessoas, e como Deus coloca cada pessoa na sua vida. Sempre achei muito interessante a forma como eu e Ellen nos conhecemos e o decorrer dos fatos que nos levaram a hoje estarmos casados, no entanto, quando o Darta puxou esse assunto perguntando aos dindos como tinham se conhecido, o assunto girou a todos os casais e as histórias são incríveis. Será que é mesmo destino? Até onde a gente escolhe? Talvez nunca saberemos essa resposta, mas a verdade é que alguns fatos que nos aproximam não tem muita explicação.

“Ainda pensando no comentário anterior, Flávio lembrou que a Michelle veio a BH para visitá-lo e ele a incentivou a procurar as empresas de TI que ela havia mandado currículo. Lembro que no dia que ela chegou no escritório pela manhã, não tinha vaga para o perfil dela. Ela foi para uma visita e logo depois do almoço a vaga surgiu, e ela foi contratada para começar em uma semana. Com certeza este fato facilitou a vinda desse casal maravilhosa para BH e também nos aproximou muito, inclusive foram escolhidos como padrinhos do nosso casamento”.

Ficamos conversando até umas 03:00 da manhã e quase acabamos dormindo por lá. O único que não deu noticia de nada e aproveitou para dormir tranquilamente foi o Augusto. Ficamos encantado com ele. Em momento algum ele fez qualquer barulho, simplesmente fechou os olhos e apagou colocando as mãos atrás da cabeça. Etá vidão gente!!!

Dindos, agradecemos o convite e o carinho de sempre. Casais, Beto e Lílian, Darta e Débora, foi um grande prazer conhecê-los e dividir momentos tão agradáveis com vocês, espero revê-los.

Boa semana a todos!!!

Similar Posts:

COMMENTS

  • dartagnan_duraes@yahoo.com.br

    Casal doido demais, foi um prazer conhece-los e saber da historia dida demais que uniu voces…. um abraco e ate a proxima.

Leave a Comment

Timpo limite excedido. Por favor, refresque o valor do CAPTCHA.